Com o intuito de melhorar as oportunidades do canal de comercialização direta entre Produtores da Agricultura Familiar e Consumidores, o Prefeito Rubens Sussumu Ogasawara, juntamente o Secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca Agnaldo Tavares e o representante do Instituto de Terras de Alto Parnaíba, Ubirajara Lustosa Pires Júnior, demais colaboradores do administrativo, irão realizar a primeira feira livre dos pequenos e médios agricultores da região, neste próximo domingo (7) de maio, na Praça Homerino Segadilha, em frente ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), a partir das 6 horas da manhã.

A feira livre é uma das formas mais antiga de mercado livre dos produtos agrícolas. Ela garante um retorno econômico as famílias que moram no campo, também proporciona um espaço agradável e seguro para os consumidores que vivem nos centros urbanos, que vem buscando gradativamente alimentos saudáveis para melhorar a qualidade de vida.

O Secretário de Agricultura Agnaldo Tavares conversou com a nossa equipe e afirmou: “A feira livre da Agricultura Familiar que estamos proporcionando na cidade de Alto Paranaíba, é um dos melhores canais de comercialização dos produtos agrícolas, pois além de vender alimentos saudáveis, também garante oportunidades aos pequenos, médios agricultores”.

Por aqui, muitos agricultores já fazem novos planos para comercializar seus produtos antes mesmo de chegar o dia da feira na cidade. Durante as vendas dos produtos na feira livre o consumidor pode comunicar diretamente com o produtor e dar um retorno sobre como estão os alimentos à venda.

Um dos organizadores do Evento o Tecnólogo em Agronegócios Ubirajara Lustosa Pires Júnior  disse: “A criação da feira de alto parnaíba abrirá novos mercados para a agricultura familiar impulsionado a economia da cidade, bem como incentivará a agricultura familiar que encontrava esquecida nesta região, afirmo ainda que com este incentivo o município poderá ganhar referência em produtos da agricultura familiar a nível estadual”.

O Prefeito e equipes organizadora da primeira feira da Agricultura Familiar criaram essa forma de mercado livre porque sabem muito bem que o retorno econômico é garantido aos agricultores, por isso, a opção por abrir esse espaço para que os produtores possam comercializar seus produtos de maneira a garantir rentabilidade e movimenta a economia de muitas famílias que vivem na zona rural, aliás, no campo. Essa prática de comercialização ainda proporciona a inserção de pequenos e médios produtores no mercado, pois não são necessários grandes quantidades de produtos agrícolas para um dia de feira. E ainda contará com a participação  do Cadastro Ambiental Rural o CAR.

Assim, traduz o que venha ser verdadeiramente Administração, transformar situações de falta de acesso, em oportunidades. Liberdade e Desenvolvimento se faz com ações concretas, seguimos com o compromisso de fazer a Comunidade crescer de maneira coletiva.

 

Por Altamir Gomes